Translate

Seleção TAM: perguntas da entrevista individual (PARTE 2 de 2)

Atenção! Nosso intuito é apenas ajudar os leitores! Não possuímos nenhum vinculo com as companhias aéreas! Nós É MAISQUE VOAR, não compactuamos e não toleramos a prática de vendas com Workshop, Palestras seus produtos "De Como Ser Selecionado por uma Companhia Aérea" e assuntos relacionados! Todas as informações ao decorrer do artigo foram captadas de fóruns de aviação (Tripulação, Meio Aéreo, Redes Sociais, etc), as responsabilidades são dos usuários e dos portais que postaram "a fonte" sobre o assunto! 

É MAIS QUE VOAR, NÃO SE RESPONSABILIZA POR CONTEÚDO DESTE ARTIGO e informações vazadas em Portais e Redes Sociais!  Contamos com a colaboração e boa sorte!


A etapa de seleção para comissários de voo na TAM será a entrevista em profundidade, onde o comissário de voo ficará sentado e será avaliado individualmente por duas ou até três selecionadoras.
Caso seja reprovado nesta fase, o candidato terá 12 meses de carência para participar novamente da seleção. Portanto, se prepare muito bem e vá confiante!

Nesta fase, o mais importante é controlar o nervosismo e responder todas as perguntas com muita tranquilidade, transmitindo confiança e objetividade. O que irá ajudar a controlar o nervosismo será, sem dúvida, saber sobre o que poderá ser perguntado. Desse modo, segue abaixo algumas perguntas que poderão ser feitas.
Antes de tudo revise seu histórico profissional e analise sua situação pessoal a fim de ter uma ideia mais clara do que as selecionadoras poderão lhe perguntar, pois se você já fez (ou está fazendo) faculdade, tem uma boa experiência em outra área, ou, por exemplo, se você já é casado (a) e tem um (a) filho (a), as selecionadoras poderão encaminhar a entrevista para este aspecto, buscando uma brecha em seu discurso que o desqualifique como um potencial comissário da TAM.

Portanto, as perguntas poderão variar de candidato a candidato. 

____________________________________________________________________________________________________________




Por que você quer ser comissário de voo?
Uma pergunta clássica e óbvia, porém muitos candidatos ao cargo de comissário de voo se atrapalham ao responder esta questão.
Há diversas respostas possíveis, mesmo porque é algo subjetivo (depende muito de pessoa para pessoa), porém a dica é explorar as características inerentes à profissão de tripulante e aliá-las às suas características pessoais.
Por exemplo, quero ser comissário de voo porque admiro o ambiente da aviação, as possibilidades de crescer profissionalmente no setor, conhecer diferentes culturas, lidar com uma pluralidade de pessoas, etc. Como sou uma pessoa muito atenciosa e curiosa adora ser gentil com outras pessoas para poder ser facilmente aceito.
O mais importante ao responder esta pergunta será sua sinceridade e a coerência da resposta, ou seja, como você justifica esta escolha, mostrando que sabe que não é simplesmente uma profissão que vai lhe fazer conhecer o mundo, mas que tem consciência das dificuldades em ser um comissário de voo, como a distância da família, a responsabilidade pela segurança de voo, o cansaço após voos longos, etc.
Você poderá conferir aqui mais idéias de resposta para a pergunta “Por que você quer ser comissário?”



Por que a TAM deveria te contratar?
Para responder de forma precisa e certeira esta pergunta, uma boa dica é saber um pouco mais sobre a empresa aérea na série perfil do Portal Meio Aéreo. Clique aqui para saber mais.
Entretanto, a ideia é dizer algo como: Acredito que, além de me identificar com os valores da TAM, tenho as qualidades que a TAM exige para seus comissários de voo. O importante nesta resposta será provar à empresa que você tem o perfil de um comissário de voo TAM, sendo responsável, gentil, bem-humorado, alegre, entusiasmado e que pretende aproveitar todas as oportunidades que a empresa oferece para crescer como profissional, colaborando para o crescimento da empresa também.


Por que você escolheu a profissão de comissário de voo?
Esta resposta pode ser muito semelhante à primeira pergunta - Por que você quer ser comissário de voo?
O importante é ser sincero também e contar os motivos que o levaram a esta escolha. Como por exemplo, tenho dois amigos que são comissários de voo e a vontade surgiu após uma conversa que tive com eles. Fiz o curso, me identifiquei e comecei a me preparar para ingressar na profissão.


O que você faz no seu tempo livre?
Nesta pergunta, as selecionadoras querem saber se você é uma pessoa que aproveita seu tempo livre de forma inteligente e responsável.
A resposta é simples, diga que gosta de ler livros interessantes (comente o último livro que leu), que gosta de ir ao cinema (comente sua última ida ao cinema ou último filme que assistiu em DVD), que gosta de sair com seus amigos, estudar línguas, ir à academia, etc. Evite dizer que gosta de ficar em casa, assistindo TV ou ficar em casa com sua família.
Se você é uma pessoa mais caseira, prefira dizer que gosta de passear e/ou viajar com sua família, que gosta de almoçar na casa de parentes, etc. No entanto, se prepare, pois poderá ser questionado quanto ao fato de trabalhar em regime de escalas, chegando a ficar até seis dias fora de sua cidade natal (fato comum na profissão).


O que lhe tira do sério?
Nesta pergunta é preciso mostrar maturidade e mostrar que você é uma pessoa equilibrada e que consegue sair de situações embaraçosas e estressantes sem se irritar. Fale que você é uma pessoa bastante tranquila e não sai do sério com facilidade, especialmente em situações onde sabe que deverá manter uma postura profissional. Evite dar exemplos de quando se irritou de verdade, comente uma situação, como por exemplo, com um irmão menor, mas fale que antes de ficar irritada reflete sobre a situação e entende que seu irmão é menor e não quis entrar no jogo dele evitando assim uma briguinha desnecessária.

O que te faz feliz?
Mostre aqui seu espírito solidário, humilde e de bem com a vida, ou seja, mostre felicidade na sua expressão. A vida do profissional da aviação, em especial comissários de voo e pilotos é muito solitária e muitos aeronautas sofrem de depressão e carência emocional, portanto, jamais diga que às vezes fica triste e que chora por qualquer coisa.
Um exemplo de resposta poderá comentar que é difícil ficar triste, pois é uma pessoa extremamente de bem com a vida e que não é preciso muito para ficar feliz e contente. Diga diversas situações que lhe faz sorrir, como receber flores de um namorado, ajudar uma pessoa na rua com uma informação, fazer trabalho voluntário, etc. Uma dica é comentar sobre participar na seleção e dizer que perceber que esta alcançando seus objetivos o deixa muito feliz e satisfeito consigo mesmo.


Fale de três qualidades suas.
Seja sincero e fale sobre qualidades que você tem que se encaixam com o perfil de um comissário de voo.
Pode ser a vontade de se desenvolver, aprender e crescer profissionalmente, ou ainda a flexibilidade, dinamismo e criatividade param se adaptar a diferentes situações.
O que será avaliado será o conjunto da obra, portanto, não seja prepotente achando que você tem somente qualidades. Lembre que as avaliadoras são profissionais que estudaram muitos anos para estarem lá.


Fale de três defeitos.
Comece falando que não enxerga como defeitos, mas sim como pontos a desenvolver e melhorar.
Afinal, quando sabemos que temos um ponto fraco fica mais fácil trabalharmos em cima deles, transformando-os em pontos fortes.
Desse modo, posso não ser um líder nato, porém estou sempre tentando melhorar meu espírito de liderança, pois às vezes não assumo uma posição de líder e é algo que sei que posso superar.
Nesta resposta vale também citar a falta de conhecimentos em idiomas, dizendo que procura ler e estudar no seu tempo livre a fim de aprender inglês, espanhol, francês, etc.



Por que decidiu ser comissário de voo só agora?
Seja o primeiro a comentar esta pergunta poderá ser feita para os profissionais que atuavam em outro campo ou que já tenham mais que 25 anos. A saída aqui é novamente ser sincero e dizer que a ideia não surgiu somente agora, pois já faz algum tempo que fez o curso e que antes de fazer o curso conversou com amigos e ou profissionais que trabalham como comissários de voo.
Diga que após fazer o curso sua vontade aumentou ao passo que se identificou com a profissão, especialmente porque existe algo na profissão intangível que lhe chama a atenção como o fato de compartilhar conhecimentos e experiências não somente com colegas de trabalho, mas também com cada passageiro que irá servir e se relacionar. Evidencie todos os aspectos positivos da profissão levando ao selecionador a informação de que você não escolheu esta profissão à toa ou caiu de paraquedas.


Para você o que é ser comissário?
Nesta resposta é importante que o comissário de voo mostre mais uma vez a maturidade e conhecimento que tem sobre a profissão.
Por exemplo, poderá responder que é uma profissão de muita responsabilidade ao passo que o comissário é, acima de tudo, um agente de segurança à bordo que preza pela segurança e conforto dos passageiros.
Os comissários de voo também representarão a companhia aérea para seus clientes, pois são os profissionais que mais passam tempo com os passageiros podendo reverter insatisfações e até perceber alguns pontos que podem ser levados a outras áreas como o departamento de marketing e administrativo visando sempre melhorar a imagem da empresa.


Mas você não acha que pode lidar com o público em outros empregos também?
Esta pergunta poderá ser feita para os comissários que respondem simplesmente “gosto de lidar com público” na pergunta sobre os motivos que o levaram a escolher a profissão, por isso é importante responder aquela pergunta dando motivos mais objetivos como o conhecimento que irá adquirir crescimento profissional ao vivenciar diversas culturas, etc.
Portanto, evite que o selecionador lhe pergunte isto sendo mais abrangente na pergunta anterior. Caso ele faça esta pergunta, concorde citando um exemplo de sua experiência no atendimento ao público e reforce os outros aspectos da profissão de comissário de voo como, por exemplo, “Concordo. Eu, mesmo sem ainda trabalhar como comissário de voo, já trabalhei muito com público. Tenho toda minha experiência profissional voltada ao atendimento e relacionamento com clientes, porém o que me chama a atenção na profissão de comissário de voo é a diversidade cultural do público que lidamos. E esta diversidade me encanta, pois como gosto de trabalhar com público sei que vou aprender muito com cada um deles”.


Como você encara o fato de trabalhar com escalas, chegando a ter com frequência jornadas de até seis dias, ficando pouco tempo com sua família?
Esta pergunta poderá ser feita para testar se o candidato realmente sabe que o comissário de voo tem que ser flexível.
Portanto, responda dizendo que tem ciência deste fato e que já tinha costume de viajar à trabalho no seu emprego anterior (caso realmente tinha esta rotina), ou ainda que este é um fato que lhe chama a atenção na profissão, pois será um enriquecimento cultural muito grande viajar pelas principais cidades do país e até do mundo. Mostre que esta rotina será extremamente gratificante.


Qual situação de voo você considera difícil e o que faria para reverter?
Nesta pergunta, mais uma vez, as selecionadoras estarão testando sua capacidade de enxergar os aspectos difíceis da profissão. O candidato poderá citar uma emergência comum como fogo à bordo, sequestro, morte à bordo, crianças bagunceiras, excursões de estudantes, gravidez, passageiros bêbados, assanhados, passageiros com enjoos, etc.
É interessante que o comissário cite até mais de uma situação, dizendo que ao contrário do que muitas pessoas podem pensar a vida do profissional não é feita somente de viagens. Enfim, cite uma situação e lembre-se das aulas que teve no curso de comissário para responder da melhor maneira a situação que destacou como difícil. Lembre-se de reforçar que acha tal situação difícil, porém está capacitado tecnicamente e emocionalmente para lidar e resolver de forma efetiva qualquer situação “difícil” à bordo.


Por que você resolveu largar o seu atual emprego e mudar de profissão?
Nesta resposta as selecionadoras querem saber se não está lá ao acaso, e que você está atrás de um objetivo seja porque descobriu uma nova profissão ao conversar com outros profissionais da área, ou porque surgiu a ideia após uma viagem que fez, enfim, seja verdadeiro e organizado em suas ideias.
Um exemplo é citar o caso de um amigo ou que já tinha este plano, porém queria antes ter terminado sua faculdade (caso tenha), ter tido um pouco de experiência, etc. Cite sua trajetória de modo a mostrar à selecionadora que este é o seu momento em tornar-se um comissário de voo.


Onde mora ou morava?
A pergunta poderá ser feito aos candidatos que não são da capital de São Paulo, Campinas ou Rio de Janeiro, pois como sabem a base de comissários da Avianca, TAM e da Gol é em São Paulo, da Azul em Campinas.
As selecionadoras aqui querem saber se terá maturidade em morar longe dos pais e família. Expresse que você tem total apoio de sua família e que o fato de morar em outra cidade não é um obstáculo.


Com quem seu filho ficaria?
A pergunta poderá ser feita para quem é casada (o) e tem filhos. A ideia aqui é assumir suas responsabilidades de mãe/pai e dizer que já pensou nisso até mesmo antes da entrevista e que tem planejado com quem ficará seu filho, como casa de pais, parentes, etc.
Uma sugestão é reforçar que apesar de trabalhar como comissário (a) de voo e ficar algum tempo longe de seu filho, o importante é pensar que com o trabalho poderá proporcionar um bom estudo para a criança e que terá seus momentos de folga e férias para passar com o filho. Mostre maturidade e responsabilidade tanto com o emprego quanto para com a criança.


Uma palavra para definir a TAM?
Esta até parece uma pergunta fácil de ser respondida, mas evite cair no óbvio que seria dizer “o espírito de servir”, “entusiasmo”, “trabalho em equipe”, “humildade”, etc. Se o Departamento de Seleção não tivesse já percebido que você carrega estes valores consigo, provavelmente você não estaria neste estágio da seleção para comissários. Portanto, tente ser criativo e dizer algo que valorize sua resposta.
Algumas palavras pouco lembradas, mas que pensamos ser interessantes são: família, orgulho, paixão, brasileira, sonho, conquista, gentileza, superação, etc. Para cada uma delas, pense em algo que justifique sua escolhe relacionado aos valores da TAM. Por exemplo, se escolher “família” justifique dizendo que vê a empresa como uma grande família, onde há uma união muito forte entre todos os colaboradores que se orgulham de fazer parte da companhia.


O que a TAM poderá esperar de você?
Esta pergunta é bastante pessoal, mas para respondê-la, vale lembrar-se de todos os aspectos comentados em outras respostas, como características valorizadas pela companhia aérea e qualidades imprescindíveis ao comissário de voo que poderão ser exploradas em seu discurso. Desse modo, o importante é ser sincero e coerente, mas também criativo e um pouco ousado. Afinal, quantas pessoas você acha que respondem “determinação”, “vontade de crescer”, entre outras respostas manjadas?
Ao invés destas palavras, por que não dizer “um profissional que pretende construir uma carreira dentro da empresa até chegar a sua presidência!” Com esta resposta, o comissário demonstra objetividade, determinação, vontade de crescer, entusiasmo, amor pela empresa, etc. Ou seja, tudo que uma organização espera de seu colaborador.
O importante nesta pergunta é que ela valoriza as pessoas criativas e que conseguem sair do senso comum, enxergando além. A dica é que você pense em sua melhor qualidade, explore-a e relacione com a profissão de comissário de voo. Por exemplo, se você é observador poderá dizer que o fato de gostar de observar fará com que perceba pequenos detalhes durante o voo que poderão ajudar a empresa melhorar constantemente o atendimento e serviço aos seus clientes, pois estará sempre observando atitudes, gestos e comentários dos passageiros.
Agora, se, por exemplo, acha que o seu forte são línguas estrangeiras, poderá evidenciar isto dizendo que já fala dois idiomas e pretende falar mais dois nos próximos anos e que será com grande satisfação que fará o serviço de bordo e elogiará a TAM para passageiros em mais de quatro idiomas. Enfim, seja sincero e original.


O que você espera da TAM Linhas Aéreas?
Esta pergunta irá analisar se você realmente conhece a companhia aérea. Vale a pena ler a política de gestão de pessoas da TAM, na qual a empresa expressa sua relação com seus colaboradores.
Este documento, por exemplo, destaca que a TAM considera seus funcionários o seu maior patrimônio e reconhece que a experiência, as habilidades e as competências destes serão um diferencial competitivo da companhia no mercado. O documento ainda afirma que a política de gestão de pessoas da TAM tem como foco principal valorizar o potencial humano, em um ambiente favorável ao desenvolvimento e à motivação das pessoas, levando-as a uma maior participação e comprometimento com a excelência do desempenho e dos resultados organizacionais.
Portanto, para responder a pergunta basta ser sincero e dizer tudo o que espera da companhia, frisando que haverá uma contrapartida de sua parte para que possa realmente esperar isto. Será algo recíproco!
Você poderá dizer, por exemplo, que fará o seu trabalho sempre com muita paixão, visando o seu desenvolvimento profissional e que espera da TAM treinamentos, capacitação e ferramentas que o ajudem a criar uma carreira de sucesso dentro da empresa, fazendo-o desenvolver todas as habilidades e competências que possui. Ou seja, do mesmo modo que você irá usar de toda sua experiência e conhecimento para ajudar a empresa a ser a melhor companhia aérea do mundo, você espera que a TAM seja uma parceira para um desenvolvimento profissional pleno.

Comente com o Facebook:

Mais Lidas da Semana

Entrevista com aeromoça brasileira da Emirates