Translate

Oceanair deixará de existir.

Na próxima quarta-feira (02/09), Renato Pascowitch, Diretor Executivo da OceanAir/Avianca, e Renato Aranha, Superintendente Comercial da OceanAir, participam de debate com diretores de agências de turismo sobre o cenário atual da aviação brasileira. Os executivos vão falar sobre as mudanças ocorridas durante o primeiro semestre de 2009 e a previsão de aquecimento do setor em 2010 com a promessa de novos investimentos. O evento será realizado durante jantar em Salvador, na Bahia.


Além de anunciar um plano de ampliação das frotas do grupo, com a compra de 90 aviões Airbus e Boeing, é provável que na ocasião os executivos comuniquem para os presentes a nova marca da companhia. A Ocean Air passará a chamar-se de agora em adiante Aerovias do Continente Americano (ACA). O nome da companhia sairá de cena lentamente até o fim do ano.


Isto porque a empresa aérea colombiana Avianca deverá assumir esta semana o controle da OceanAir, conforme o plano de unificação das companhias aéreas do grupo Sinergy. Segundo o presidente do grupo, Germán Efromovich, a gestão e a administração diária de Ocean Air está praticamente sendo executada pela Avianca há um bom tempo.


De acordo com Efromovich, nesta semana estarão resolvidos os trâmites perante as autoridades brasileiras para unificação das operações. Ele afirmou ainda que “essa decisão empresarial implicará que Avianca ingresse no mercado brasileiro e que a OceanAir doravante passará a chamar-se Aerovias do Continente Americano“.


Além de Avianca e Ocean Air, que desde 2002 funciona como companhia aérea regular de transporte de passageiros, carga e correio, o grupo Sinergy é proprietário da equatoriana Vipsa e a colombiana Helicol, de serviço de helicópteros.

FONTE: MEIO AÉREO

Comente com o Facebook: