Translate

Azul retomará operações entre Recife e São Luís

É MAIS QUE VOAR | Azul retomará operações entre Recife e São Luís





A partir de 5 de novembro,  Azul Linhas Aéreas retomará as operações da única rota direta entre as capitas Recife e em São Luís. Será um voo diário sem escalas com os jatos Embraer 195, equipados com 118 assentos. A solicitação da Azul aguarda aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

“Vamos retomar a operação entre Recife e São Luís de modo a atender, sobretudo, Clientes que viajam a negócios. Desta forma, consequentemente também vamos alavancar a economia regional, acelerando o trânsito de pessoas e mercadorias entre as capitais. Assim, a Azul também reforçará sua presença na região Nordeste e atenderá a um acréscimo de demanda observado pela empresa”, destaca Marcelo Bento, diretor de Planejamento e Alianças da Azul.


Os voos terão duração aproximada de duas horas – as capitais estão distantes 1,5 mil quilômetros. As passagens para a nova rota da Azul serão comercializadas após a autorização da ANAC.

No Recife, a Azul oferece conexões para Salvador, Fortaleza, Maceió, Fernando de Noronha, Campinas, Natal e Aracaju, assim como demais destinos. Em São Luís, as aeronaves da companhia decolam com destino a Teresina e Belém, entre outras cidades.

Confira detalhes da operação da Azul entre Recife e São Luís (horários locais):


É MAIS QUE VOAR | Azul retomará operações entre Recife e São Luís


Na capital pernambucana são mais de 20 os voos diários da Azul. Os destinos atendidos são: Aracaju, Belo Horizonte (Confins), Curitiba, Fernando de Noronha, Fortaleza, São Paulo (Guarulhos), Goiânia, Maceió, Natal, Ribeirão Preto, Salvador, Teresina, Uberlândia e Campinas. Estreia: 2 de janeiro de 1999, em operações da Trip.

A Azul oferece até sete voos diários na capital do Maranhão. As cidades servidas são Belém, Belo Horizonte (Confins), Fortaleza e Teresina. A companhia chegou a São Luís em 14 de junho de 2010.

Estamos no Instagram e Tumblr, siga-nos:



Comente com o Facebook:

Mais Lidas da Semana

Entrevista com aeromoça brasileira da Emirates