Translate

Índia está no caminho para se tornar o terceiro maior mercado de aviação até 2034


Índia está no caminho para se tornar o terceiro maior mercado de aviação até 2034








O mercado de aeronaves comerciais na Índia se tornou como preferencial por aviões da Airbus consolidada em 2015 com 250 novos pedidos firmes, levantando a quota de mercado das encomendas e da frota em serviço para mais de 70 por cento. Hoje cerca de 56 por cento de aviões comerciais na Índia são aeronaves Airbus. Isso inclui o primeiro A320neo da Índia, o primeiro que será entregue na região da Ásia.

O crescimento do tráfego aéreo é impulsionado por fatores como a urbanização, turismo, comércio, crescimento da riqueza, como pode ser visto pela crescente classe média. A população da Índia está definida para superar a da China em 2025, e de acordo com a Oxford Economics, o número de classe média da Índia será superior a 600 milhões de pessoas, mais que o dobro dos EUA. Até 2034 estima que os passageiros indianos, vão voar em média quatro vezes mais baratos do que aos dias atuais.

Como resultado, o tráfego para o mercado indiano deve crescer em 8,4 por cento ao ano durante os próximos 20 anos, bem acima da média mundial de 4,6 por cento. O Tráfego interno indiano vai crescer mais rapidamente em 9,3 por cento – fazendo da Índia se tornar um país líder emergente no mercado de aviação.

"Aviação na Índia tem um futuro brilhante. Como o poder industrial da Índia vem crescendo junto com o desenvolvimento econômico, a geração de riqueza e um aumento no número de voos regulares. Airbus oferece a gama de produtos de aeronaves de 100 para mais de 600 passageiros para servir o público indiano e essa crescente demanda", disse Kiran Rao, Vice-Presidente de Marketing e Estratégia da Airbus.

Segundo as últimas previsões da Airbus Market Forecast para daqui a 20 anos, entre 2015 e 2034, a Índia vai exigir mais de 1.600 novos aviões de passageiros e cargueiros para ajudar o crescimento dessa demanda. Um valor de US$ 224 bilhões incluem 1.230 novos aviões de corredor único e 380 aeronaves widebody para passageiros e aeronaves cargueiras. Em 2035, o número de cidades indianas irá mais do que triplicar.

Hoje a Airbus compreende a Família A320 para o mercado de corredor único, o popular A330, os novos A350 XWB na categoria widebody mid-size e o A380 no segmento Very Large Aircraft (VLA). No mercado cargueiro, Airbus oferece atualmente o programa de converter A330 de passageiros-para-Cargueiro (A330P2F) e o novo A330-200F.

Destaques da Índia para daqui a 20 anos, segundo Airbus Market Forecast:

• Mais de 70% das ordens de frota e de backlog em serviço, 56% da frota em serviço;

• 8,4% de crescimento anual do tráfego de passageiros (média global de 4,6%);

• Serão preciso novos aviões: mais de 1.200 de corredor único, cerca de 400 widebody –  US$ 224 bilhões;

• Número de classes médias indianas aumentando em 50% a mais de 600 milhões até 2024;

• População subindo para 1,4 bilhões até 2024 - ultrapassando a China como o país mais populoso;


As fontes são estimativas anunciadas pela Airbus.







Comente com o Facebook:

Mais Lidas da Semana

Entrevista com aeromoça brasileira da Emirates

Seleção TAM: perguntas da entrevista individual (PARTE 2 de 2)