Pular para o conteúdo principal

International Brazil Air Show 2019 debaterá concessão de aeroportos

International Brazil Air Show 2019 debaterá concessão de aeroportos | É MAIS QUE VOAR
Imagem © IBAS - Divulgação.

Sob o tema Conectividade e inovação para o fortalecimento do transporte aéreo na América Latina, a 2ª Edição do IBAS – International Brazil Air Show acontece no GRU Airport, nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019. Entre os temas do evento, concessão de aeroportos será amplamente debatido. Leia em detalhes na integra sobre o evento.




Nos primeiros 6 meses de 2019 foram realizadas, no Brasil, 23 concessões (aeroportos, portos e ferrovias), sendo que, em março, ocorreu o leilão de 12 aeroportos (5ª rodada) divididos em três blocos, com ágio de mais de 900% e previsão de arrecadação total de R$ 4,2 bilhões para o Governo Federal ao longo dos 30 anos de concessão. O resultado, que movimenta a economia e, principalmente, a geração de empregos, indica o reconhecimento dos investidores estrangeiros nas oportunidades de negócios que o país oferece nesse setor. Para tratar sobre esse tema e o desenvolvimento do setor na América Latina, a 2ª Edição do IBAS – International Brazil Air Show, que será realizada nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019, no GRU Airport – Aeroporto Internacional de São Paulo, reunirá líderes do segmento aéreo mundial, destacando a contribuição fundamental do segmento para a economia do país.

Maior mercado de aviação da América Latina, o Brasil vem desde 2011 passando por intensa transformação nesse setor, por meio das concessões dos aeroportos. Até o momento, conforme dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), foram realizadas cinco rodadas, onde 22 aeroportos- representando 57% do tráfego regular no país, foram concedidos à iniciativa privada, sendo que, no geral, dezesseis grupos participaram dos leilões e, atualmente, oito operadores distintos atuam nos aeroportos brasileiros. De um total de R$33 bilhões do investimento previsto, mais de R$17 bilhões já foi realizado. Os investimentos aumentaram a capacidade aeroportuária e a melhoria dos serviços prestados. "A Agência segue focada no cumprimento dos contratos e na melhoria das novas rodadas, sempre garantindo a melhor expansão de infraestrutura e serviços de qualidade aos passageiros", argumenta o Diretor-Presidente da ANAC, José Ricardo Botelho, que palestrará no IBAS 19.

E, até 2022, segundo o Ministério da Infraestrutura, mais de 40 novos aeroportos serão concedidos à iniciativa privada, sendo que 22 estão em estudos, vão compor a 6ª rodada e já estão qualificadas pelo PPI (Programa de Parcerias de Investimentos), com previsão de investimentos de R$ 5 bilhões, que compõem os Blocos: Sul (9) - Curitiba (PR), Bacacheri (PR), Foz do Iguaçu (PR), Londrina (PR), Joinville (SC), Navegantes (SC), Pelotas (RS), Bagé (RS) e Uruguaiana (RS); Norte 1 (7): Manaus (AM), Boa Vista (RR), Porto Velho (RO), Tefé (AM), Tabatinga (AM), Rio Branco (AC) e Cruzeiro do Sul (AC); e Central (6): Goiânia (GO), Palmas (TO), São Luís (MA), Teresina (PI), Imperatriz (MA) e Petrolina (PE).

Palestrante do IBAS - International Brazil Air Show, o secretário Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura, Ronei Glanzmann, destaca a importância dos investimentos em infraestrutura aeroportuária para alavancar a economia do país. "Está acontecendo no Brasil uma revolução no setor da aviação. Vivemos um ponto de inflexão importante. Nos próximos anos, o mercado vai passar por grandes transformações, com o surgimento de novas oportunidades e modelos de negócios. Existem várias companhias estrangeiras de olho no Brasil. Estamos investindo na melhoria da infraestrutura aeroportuária, na aviação regional e, com a abertura do mercado para o capital estrangeiro, teremos a chegada de novas empresas, principalmente low costs, abrindo novas rotas, aumentando a disponibilidade de assentos e contribuindo para a redução dos preços das passagens aéreas", disse Glanzmann.

Já a 7ª Rodada de Concessões conta com 19 aeroportos e investimento de R$ 5,28 bilhões, contemplando os Blocos: RJ-MG (7): Santos-Dumont (RJ), Jacarepaguá (RJ), Uberlândia (MG), Montes Claros (MG), Pampulha (MG), Carlos Prates (MG), Uberaba (MG); Norte 2 (7): Belém (PA), Júlio César (PA), Santarém (PA), Marabá (PA), Carajás (PA), Altamira (PA), Macapá (AP); e SP-MS (5): Congonhas (SP), Campo de Marte (SP), Campo Grande (MS), Corumbá (MS), Ponta Porã (MS). Está em estudos: Viracopos e Alienação da participação da Infraero (Guarulhos, Brasília, Galeão e Confins).

A 5ª rodada de concessão, realizada em março, pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) contemplou os Blocos: Nordeste, formado pelos aeroportos de Recife/PE, Maceió/AL, João Pessoa/PB, Aracaju/SE, Campina Grande/PB e Juazeiro do Norte/CE; Sudeste, com os aeroportos de Vitória/ES e Macaé/RJ; e o Bloco Centro-Oeste, integrado pelos aeroportos de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos no Mato Grosso.


Pauta concessões no IBAS – International Brazil Air Show 2019
Primeiro evento brasileiro com foco na indústria aeroespacial internacional e na infraestrutura aeroportuária, o IBAS - International Brazil Air Show 2019, principal catalisador do mercado, será voltado para o público investidor. Com foco em concessões de aeroportos, a Programação do evento abordará:Próximas rodadas de concessões e estruturação de PPPs; Lições aprendidas com os aeroportos concedidos; Terminal de aeroporto: nova modelagem impulsionada por um aumento na automação, comercialização e da evolução das demandas de passageiro, entre outros.

Entres os palestrantes sobre o tema, estão confirmados: Secretário de Aeroportos e Energia (Programa de Parcerias e Investimentos da Presidência da República), Pedro Bruno Barros de Souza; CEO da Infraway Engenharia, Thiago Nykiel; CEO da Inframérica no Brasil, Jorge Arruda; diretor de novos negócios e inovação da Socicam, Wanderley Galhiego Jr; CEO da Fraport no Brasil, Andreea Pal; Presidente da Infraero, Tenente-Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros Júnior; Jornalista do Brazil Journal, Mariana Barbosa; Superintendente de Regulação Econômica de Aeroportos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), Tiago Sousa Pereira; gerente da ANAC, Bruno Falcão; sócio da Roland Berger, Gustavo do Canto Lopes; entre outros especialistas.

"Com o tema Conectividade e inovação para o fortalecimento do transporte aéreo na América Latina, o IBAS 19 será voltada para o mercado investidor, onde reuniremos mais 3 mil participantes, empresas, entidades, governos e especialistas nacionais e internacionais para debater sobre esse segmento com papel fundamente al para a economia e o desenvolvimento do Brasil. Essa 2ª edição conta com formato inovador e proposta alinhada com as novas tendências dos maiores eventos mundiais, promovendo oportunidades de negócios e relacionamentos, por meio da expo, conferências e rodadas de negócios", argumenta a idealizadora do IBAS - International Brazil Air Show e diretora executiva da Sator, Paula Faria.

O evento, realizado pela Sator e com correalização do GRU Airport, conta com o Apoio Institucional Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB), Ministério da Infraestrutura, Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR). 

Informações sobre o
IBAS – International Brazil Air Show 2019

Data: 11, 12 e 13 de setembro de 2019
Local: GRU AIRPORT | Terminal 3 Edifício Garagem | Aeroporto, Guarulhos – SP, 07190-100
Mais Informações: www.ibas.aero


Comentários

Mais Lidas

Grupo Emirates anuncia lucros obtidos no semestral 2019-2020

JetSMART adquire a Norwegian Argentina

Chilena SKY encomenda 10 aeronaves A321XLR para expandir sua presença internacional







2019 © É MAIS QUE VOAR
Ads